Páginas

Crime e Castigo - Fiodor Dostoievski

Fiodor Mikhailovitch Dostoievski (1821-1881)

Leia na Tela: Crime e Castigo, escrito em  1866 por Fiodor Mikhailovitch Dostoievski, o maior russo e um dos maiores escritores da literatura universal, é um livro presente em toda lista literária que tenha algum valor. Não é muito dizer que Dostoiévski é um dos pilares da literatura, um dos parâmetros, "a referência russa". Como dsse o escritor Alexey Rémizov, "A Rússia é Dostoiévski. Rússia não existe sem Dostoiévski."

Crime e Castigo é um romance magnífico, uma das mais importantes obras do escritor russo e na opinião deste blogueiro, está entre os 10 melhores livros de todos os tempos. Narra a história de Rodion Românovitch Raskólnikov, um jovem estudante que assassina uma idosa e se vê perseguido por sua incapacidade de continuar sua vida após o delito. O livro aborda o drama da existência com  foco na salvação pelo sofrimento, passando por uma observação profunda sobre a responsabilidade moral do indivíduo, sobre o niilismo e o ateísmo.
.
.

15 comentários:

  1. Olá boa tarde!
    Agradeço sua visita em meu blog, por aqui tem muita cultura!
    Muito bom seu blog!!!

    ResponderExcluir
  2. Realmente este texto é sensacional..fiquei com taquicardia quando estava lendo..rs..:)
    Caso algum fragmneto de texto que cite em meu blog esteja disponível no seu blog..irei recomendar!
    :)

    ResponderExcluir
  3. Tenho muito orgulho de fazer parte de teu mundo...sempre me enriqueço ao passar por aqui!

    ResponderExcluir
  4. Olá, sou a sua nova seguidora, falar no livro, já li faz tempo e é um dos meus favoritos.
    Cultura...eu volto, sim, adoro.
    Abraços da Mery

    ResponderExcluir
  5. Hoje estou passando apenas para lhe fazer um convite.
    Estou falando do www.superlinks.blog.br que é um site agregador que vale a pena visitar, pois é mais um espaço no qual você poderá publicar seus links de matérias, pois é um site sério e com critérios bem positivos.
    Espero que goste da dica.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  6. Hoje estou passando apenas para lhe fazer um convite.
    Estou falando do www.superlinks.blog.br que é um site agregador que vale a pena visitar, pois é mais um espaço no qual você poderá publicar seus links de matérias, pois é um site sério e com critérios bem positivos.
    Espero que goste da dica.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  7. Ola,vim aqui agradeçer por visitar e seguir meu blog,
    obrigado e retribuindo o carinho(seguindo o seu),abçs!:D

    ResponderExcluir
  8. Vim ler na tela e gostei. Antes, dei uma boa espiada, no arquivo. Da Cadeirinha de Arruar, onde escrevo histórias memorialistas, de vez em quando dou um volteio por este mundo blogueano...Hoje, "caí" aqui e já me instalei devidamente, pondo meu retratinho no painel da sua tela...

    Eu vou, mas volto.
    Um abraço,
    Lúcia

    ResponderExcluir
  9. Hola, paso a saludarle, aunque estoy de vacaciones.
    No se si te lo dije..
    Pasase por mi blog en el post del día 27 de Junio, lunes a por el PREMIO DE AMISTAD que di a todos mis seguidores con motivo de mis 60 años. Espero que sea de su agrado.
    te dejo un beso de ternura
    Sor.Cecilia

    ResponderExcluir
  10. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Alma de poesia. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Adorei o blog

    Visita: http://trendybutterfly.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Olá,
    Tive o privilégio de conhecer este espaço hoje e passei a segui-lo. Ótima idéia de disponibilzar livros.
    Parabéns,
    Edenícia

    ResponderExcluir
  13. Oi, estou divulgando meu novo blog:
    http://psixani.blogspot.com/

    Se puder me dar uma forcinha, toda sugestão ou crítica será sempre bem recebida!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. A maior felicidade é quando a pessoa sabe porque é que é infeliz.
    Fiodor Dostoievski

    ResponderExcluir
  15. O link para download não funciona pelo bloqueio ao megaupload, se puderem enviar outra fonte eu ficaria muito feliz,quero muito ler esse livro.

    ResponderExcluir